rss
email
twitter
facebook

quarta-feira, 19 de março de 2014

Foi peixe para mais de metro!

Após passar o sábado inteiro pescando, as únicas coisas que seu Rene e seu Gerson conseguiram foram meia dúzia de peixe miúdo e os anzóis embaralhados com os náilons um do outro.  Por causa desta confusão eles resolveram voltar mais cedo para casa e levar o pouco que pescaram.  Após passarem em casa e deixar o pouco que pescou, seu Rene e Gerson foram logo saindo para tomar uma no Bar de Carlos.

Eram quatro horas da tarde, mas o mais famoso boteco da rua já estava cheio. Ao chegarem no bar os dois amigos, e quase compadres, foram logo se sentando na única mesa que estava vazia e pedindo uma cerveja. Ao perceber que dois dos seus melhores clientes estavam sentados o dono do estabelecimento, Carlos, resolveu ir ao encontro deles e perguntar como foi o dia.     

- Foram pescar hoje? Pergunta o dono do estabelecimento.
Gerson e Rene percebem onde aquela pergunta ia acabar chegando, mas resolvem contar que foram pescar.
- Sim, fomos bem de manhã cedo, o galo não tinha nem cantado ainda. Gerson responde um pouco temeroso com a próxima pergunta.
- E então trouxeram muitos peixes hoje? Carlos pergunta.
Terminada a pergunta os dois amigos se olharam sem saber o que responder e diante o inevitável resolvem responder.  Neste momento Seu Rene começa a falar
-Rapaz a gente trouxe um balde cheio de peixe. Um Rubalos de cinco quilos, não foi “cumpade”? 
-Foi, foi mesmo. E deu uma trabalheira danada o bicho. Você precisava ter visto Carlos. Foi quase o dia todo tentando agarrar o peixe com a linha. Não foi não “cumpade” Rene?
-Oxe! E não foi não? Eu tive até que ajudar o meu “cumpade” Gerson a agarrar o bicho. Fui para junto e segurei a vara com ele!
-Então você segurou a vara do Seu Gerson? Pergunta Carlos sorrateiramente!
Rene faz cara de quem não gostou da piada e continua, mas continua a relatar o fato que para eles tornaram-se reais naquele momento.
-Pois, como eu te disse eu segurei a vara de PESCA, fala ressaltando a palavra, de meu amigo Gerson para ajudar, mas o peixe era muito grande, parecia ter uns 15 metros. E ficamos eu e meu “cumpade” aqui tentando resgatar o bicho. Depois de mais de 40 minutos é que a gente conseguiu pescar o peixe. Só tu vendo! Não foi não Gerson?
-Oxe, e não foi! Até hoje eu me lembro. Diz Gerson.
Carlos desconfia e pergunta
-Mas o fato não aconteceu hoje mesmo?
-Oh, sim! É que ficamos tanto tempo tentando pegar aquele bicho que até penso que foi outro dia.
-É mesmo concordo com você. Diz Rene para apoiar o amigo.
Carlos continua desconfiado e faz outra pergunta para vê se paga os dois na mentira.
-Mas vem cá, se o peixe foi grande assim do jeito que os dois estão dizendo por que não trouxe para a gente vê. 
Gerson se sente irritado com a desconfiança do dono do bar e fala de forma grosseira.
-Rapaz a gente veio aqui para tomar uma no seu bar e você trata a gente desse jeito chamando de mentirosos?
-É isso mesmo “cumpadre” é isso que a gente recebe por beber sempre no mesmo lugar. A gente até pediu para separar uma parte para você. Mas deixe está quem tem com o que me pagar n me deve nada e amanha é outro dia. 
Revoltados com o desaforo do dono estabelecimento os dois foram embora.
Carlos observa os dois amigos saírem do bar indignado, olha para a mulher que diz
-Que homens mais mentirosos!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br